Laboratório didático de pesquisa social no ensino médio: intervenção formativa e atividade de estudo

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2020-04-29

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Esta dissertação surgiu a partir de uma intervenção pedagógica em uma escola pública do município de Osasco (SP), e adotou como objetivo principal a organização de um laboratório didático de pesquisa social no ensino médio. A proposta foi desenvolvida no âmbito da disciplina de sociologia e procurou envolver professores e gestão escolar em favorecimento à contextualização do currículo, interdisciplinaridade, educação científica e aprendizagem colaborativa. As ações pedagógicas foram fundamentadas em uma série de documentos oficiais indutores do currículo, em destaque considerou-se a Base Nacional Curricular Comum (BNCC), os Temas Contemporâneos Transversais, ressignificados com o uso dos conceitos saúde coletiva e território. A perspectiva que subsidiou a organização de uma circunstância de produção de conhecimento situado e colaborativo alinhou-se à noção de laboratório do comum, também denominado laboratório de inovação cidadã. A utilização da Teoria Histórico-Cultural da Atividade deu embasamento para a abordagem do processo ensino-aprendizagem, tanto no aspecto da organização da atividade de estudo a ser oferecida para o aluno, quanto no reconhecimento de estratégias plausíveis de orientar a organização interdisciplinar do trabalho docente no contexto escolar, desde que uma ação interventiva seja de fato incorporada no projeto político pedagógico da escola.
This dissertation emerged from a pedagogic intervention in a public school located in Osasco, in the state of São Paulo, and it has adopted as main goal the organization of a social research didactic laboratory in high school. The purpose has been developed in the scope of sociology classes, and tried to engage teachers and school managers, aiming curriculum contextualization, interdisciplinarity, scientific education and collaborative learning. The pedagogical actions initially were grounded on many official documents of the curriculum, with special emphasis on Nacional Curricular Common Basis (NCCB), and the Cross-cutting Contemporary Themes, reframed with the use of the concepts of collective health and territory. The perspective subsidizing the organization of a situated collaborative knowledge production circumstance attended the notion of “laboratory of commons”, also known as “social innovation laboratory”. The use of the cultural-historic activity theory gave the required framework for the approach in the teaching-learning process, not only in the organization aspect of the study activity to be offered for the student, but also in the recognition of plausible strategies to guide the interdisciplinary organization of the teacher´s labor in the scholar context, as long as an interventive action be actually incorporated into the school´s political pedagogical project.

Descrição

Palavras-chave

Sociologia (ensino médio), Prática de ensino, Teoria histórico-cultural da atividade, Abordagem interdisciplinar do conhecimento na educação, Pesquisa-ação em educação, Sociology in high school, Teaching practices, Cultural-historic activity theory, Interdisciplinary approach of education knowledge, Research-action in education

Como citar