O jogo e a educação matemática: um estudo sobre as crenças e concepções dos professores de matemática quanto ao espaço do jogo no fazer pedagógico

dc.contributor.advisorCamargo, Ricardo Leite [UNESP]
dc.contributor.authorSuleiman, Amal Rahif [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2014-06-11T19:24:35Z
dc.date.available2014-06-11T19:24:35Z
dc.date.issued2008-07-03
dc.description.abstractA presente pesquisa teve por objetivo conhecer as crenças e concepções dos professores de Matemática quanto ao espaço do jogo no seu fazer pedagógico. O trabalho foi articulado a partir de duas bases: uma de abordagem teórica, e outra, de caráter prático-investigativo. A primeira parte tratou da caracterização: de crenças e concepções; da natureza do jogo e suas plurimanifestações; da Educação Matemática como ciência em formação e da relação entre o jogo como recurso metodológico e a Educação Matemática. A segunda parte consistiu em coleta de dados, por meio de entrevistas semi-estruturadas, com 20 professores de Matemática da rede pública estadual de ensino da região de São José do Rio Preto, no estado de São Paulo, que lecionavam no Ensino Fundamental, de 5ª a 8ª séries. Com estas entrevistas objetivou-se investigar o espaço do jogo na infância, na escolaridade, na formação inicial e continuada e na prática pedagógica desses professores, além de, essencialmente, identificar suas crenças e concepções sobre a construção e/ou aquisição do conhecimento lógico-matemático. Conjugamos nossas idéias com os pressupostos da teoria construtivista de Piaget, e sob esse enfoque, a análise dos dados, nos permitiu considerar que os professores desta pesquisa, utilizam o jogo em sua prática pedagógica, alguns dando-lhe um espaço periférico, outros num espaço mais amplo e de forma sistematizada, mas, apesar das dificuldades e resistências apontadas, utilizam em suas aulas. No entanto, pudemos observar que falta a eles maior consistência teórica que permite garantir ao jogo o papel de mediador entre o conhecimento matemático e a aprendizagem do aluno. Entendemos, pelos resultados obtidos, que a aplicação dos jogos em aulas de Matemática, ocorre mais em caráter motivacional do que por atuação num contexto pedagógico...pt
dc.description.abstractThe purpose of this research project was to identify the beliefs and concepts of Mathematics teachers concerning the space given to games in their pedagogical activity. The project was developed using two basic approaches: one, theoretical, and the other, of a practical and investigative nature. The first part of this research dealt with the description of essential features: of beliefs and concepts; of the nature of games and their manifold expressions; of Mathematical Education as a science in development and of the relation between games as a methodological resource and Mathematical Education. The second part consisted of collecting data, through semi structured interviews, from 20 Mathematics teachers from the public school system in the region of São José do Rio Preto, in the state of São Paulo, that worked with Middle School classes, from 5th to 8th grades. In these interviews, the purpose was to investigate the space given to games in childhood, in school activities, in initial and ongoing development and in the pedagogical practice of these teachers, besides, essentially, identifying their beliefs and concepts concerning the formation and/or acquisition of logical and mathematical knowledge. We conjugated our ideas with the presuppositions of the constructivist theory of Piaget, and through this focus, the analysis of the data led us to conclude that the teachers in this survey used games in their pedagogical practice, some granting them only peripheral space, others a much larger place and in a systematical way; however, in spite of the problems and resistance identified, games are used in their classes. However, we were able to observe that they lack a greater theoretical foundation that would ensure to games the role of mediator between mathematical knowledge and student learning. We concluded, from the results obtained, that the application of games... (Complete abstract click electronic access below)en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent258 f. : il.
dc.identifier.aleph000558623
dc.identifier.capes33004030079P2
dc.identifier.citationSULEIMAN, Amal Rahif. O jogo e a educação matemática: um estudo sobre as crenças e concepções dos professores de matemática quanto ao espaço do jogo no fazer pedagógico. 2008. 258 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara, 2008.
dc.identifier.filesuleiman_ar_me_arafcl.pdf
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/90303
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.sourceAleph
dc.subjectEducação - Brasilpt
dc.subjectEnsinopt
dc.subjectJogos em educação matematicapt
dc.subjectMatemática - Formação de professorespt
dc.subjectConstrutivismopt
dc.subjectPedagogical Conceptsen
dc.subjectTeacher Formationen
dc.subjectMathematical Educationen
dc.titleO jogo e a educação matemática: um estudo sobre as crenças e concepções dos professores de matemática quanto ao espaço do jogo no fazer pedagógicopt
dc.typeDissertação de mestrado
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências e Letras, Araraquarapt
unesp.graduateProgramEducação Escolar - FCLARpt
unesp.knowledgeAreaEducação escolarpt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
suleiman_ar_me_arafcl.pdf
Tamanho:
901.18 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format