Avaliação das propriedades físico-químicas e mecânicas de um sistema adesivo bioativo pela incorporação do resveratrol

Imagem de Miniatura

Data

2023-06-07

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O objetivo desse estudo foi avaliar as propriedades físico-químicas e mecânicas da incorporação do resveratrol (Sigma-Aldrich) em um sistema adesivo comercial, onde foi avaliada a resistência de união da interface adesiva, o grau de conversão, a resistência mini-flexural e propriedades antibacterianas. Adicionalmente, foi feita a análise por meio do Estereomicroscópio. Os adesivos foram divididos em quatro grupos de acordo com a concentração da incorporação do resveratrol: ASB – Adesivo Adper Single Bond 2 (3M-ESPE) sem incorporação de resveratrol, RES0,5 – Adesivo com a incorporação de 0,5% de resveratrol, RES1 – Adesivo com a incorporação de 1% resveratrol, RES2 – Adesivo com a incorporação de 2% de resveratrol. Para o teste de resistência de união foram utilizados 40 molares humanos com a superfície oclusal desgastada até a exposição da dentina, obtidos de molares humanos hígidos (n=10). O grau de conversão foi monitorado com amostras do adesivo por meio de Espectroscopia Infravermelho transformada de Fourier (FTIR) em triplicata. Para a resistência mini-flexural foram confeccionadas 10 amostras para cada grupo a partir de uma matriz de silicone (12 x 2 x 2 mm) e foi realizada na Máquina Universal de Ensaios (EMIC). A atividade antibacteriana foi feita através dos testes de difusão em ágar e contagem da unidade formadora de colônia (UFC) em triplicata, onde foram utilizados discos de adesivos polimerizados (6,5 x 1,5 mm de diâmetro) dos diferentes grupos. Posteriormente as amostras resultantes do teste de resistência de união foram observadas em Estereomicroscópio para análise do padrão da fratura. Os dados foram analisados estatisticamente quanto à sua normalidade e como apresentaram distribuição normal, foi realizado o teste de análise de variância (ANOVA) paramétrica um fator (sistema adesivo) e o teste de Tukey, sendo adotado o nível de significância de 5% para a tomada de decisões. Os resultados obtidos na microtração (MPa±Dp) foram: ASB – 41,01±2,64A; RES0,5 – 42,93±15,49A; RES1 – 42,61±13,97A e RES2 – 39,43±9,14A. No grau de conversão: ASB – 77,75±3,22A; RES0,5 – 81,02±1,95A; RES1 – 76,02±9,00A e RES2 – 58,86±15,94A. Na resistência mini-flexural: RES0,5 – 33,14±13,83A; RES1 – 31,1±12,21A; ASB – 29,72±11,95A e RES2 – 19,72 ± 5,43B. Na atividade antibacteriana não houve diferença na formação de áreas de inibição, entretanto na unidade formadora de colônia os resultados foram: ASB – 0,75±0,03A; RES1 – 0,68±0,34B; RES0,5 – 0,67±0,37B e RES2 – 0,6±0,02C. Foi concluído que a incorporação do resveratrol nas diferentes concentrações não influenciou na resistência de união da interface adesiva e no grau de conversão, no entanto, na concentração de 2%, reduziu a resistência mini-flexural do adesivo. Além disso, diminuiu a quantidade de unidades formadoras de colônia no adesivo, apresentando atividade antibacteriana.
The objective of this study was to evaluate the physical-chemical and mechanical properties of the incorporation of resveratrol (Sigma-Aldrich) in a commercial adhesive system, where the bond strength of the adhesive interface, the degree of conversion, the mini-flexural strength and antibacterial properties. Additionally, the analysis was performed using a stereomicroscope. The adhesives were divided into four groups according to the concentration of resveratrol incorporation: ASB – Adper Single Bond 2 Adhesive (3M-ESPE) without resveratrol incorporation, RES0.5 – Adhesive with 0.5% resveratrol incorporation, RES1 – Patch with 1% resveratrol incorporation, RES2 – Patch with 2% resveratrol incorporation. For the bond strength test, 40 human molars were used with the occlusal surface worn down to exposure of the dentin, obtained from sound human molars (n=10). The degree of conversion was monitored with adhesive samples by means of Fourier Transform Infrared Spectroscopy (FTIR) in triplicate. For the mini-flexural resistance, 10 samples were made for each group from a silicone matrix (12 x 2 x 2 mm) and it was performed in the Universal Testing Machine (EMIC). Antibacterial activity was assessed using agar diffusion tests and colony forming unit (CFU) counts in triplicate, using polymerized adhesive disks (6.5 x 1.5 mm in diameter) from different groups. Subsequently, the samples resulting from the bond strength test were observed in a stereomicroscope for analysis of the fracture pattern. The data were statistically analyzed as to their normality and as they presented normal distribution, the one-way parametric analysis of variance (ANOVA) test (adhesive system) and the Tukey test were performed, adopting a significance level of 5% for the decision-making. The results obtained in microtensile (MPa±Dp) were: ASB – 41.01±2.64A; RES0.5 – 42.93±15.49A; RES1 – 42.61±13.97A and RES2 – 39.43±9.14A. In the degree of conversion: ASB – 77.75±3.22A; RES0.5 – 81.02±1.95A; RES1 – 76.02±9.00A and RES2 – 58.86±15.94A. In the mini-flexural resistance: RES0.5 – 33.14±13.83A; RES1 – 31.1±12.21A; ASB – 29.72±11.95A and RES2 – 19.72 ± 5.43B. In the antibacterial activity there was no difference in the formation of areas of inhibition, however in the colony forming unit the results were: ASB – 0.75±0.03A; RES1 – 0.68±0.34B; RES0.5 – 0.67±0.37B and RES2 – 0.6±0.02C. It was concluded that the incorporation of resveratrol at different concentrations did not influence the bond strength of the adhesive interface and the degree of conversion, however, at a concentration of 2%, mini-flexural strength decreased of the sticker. In addition, it decreased the amount of colony-forming units in the adhesive, showing antibacterial activity.

Descrição

Palavras-chave

Adesivos dentinários, Resveratrol, Material particulado, Testes Mecânicos, Antibacterianos, Dentin-bonding agents, Resveratrol, Particulate matter, Mechanical Tests, Anti-Bacterial Agents

Como citar