Vírus da hepatite B: avaliação do risco de infecção e da resposta sorológica à vacina em funcionários de limpeza do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP

dc.contributor.advisorMarcondes-Machado, Jussara [UNESP]
dc.contributor.authorOsti, Cristina [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2014-06-11T19:24:16Z
dc.date.available2014-06-11T19:24:16Z
dc.date.issued2004
dc.description.abstractA hepatite viral do tipo B constitui um dos mais importantes problemas de saúde pública em todos os continentes. Estima-se que 300 milhões de indivíduos, em todo o mundo, sejam portadores crônicos do vírus e que 2 milhões morram anualmente dessa doença. O VHB se transmite por via parenteral e sobretudo por via sexual. O risco de infecção, que é de 5% na população geral, e pode ser de 15% a 20% em trabalhadores da área da saúde. Entre esses últimos, os que mantêm contato freqüente com sangue de pacientes apresentam risco duas a quatro vezes maior de adquirir o VHB. Sendo assim, atualmente, a hepatite B é considerada uma das mais prevalentes infecções ocupacionais contraídas no ambiente hospitalar. A medida mais eficaz no combate à infecção é a imunização ativa dos indivíduos suscetíveis, por meio de vacinas atualmente disponíveis, altamente eficientes e seguras. A soroconversão ocorre em proporção inversa à idade do imunizado, podendo a chegar a 90% nos adultos jovens. Os objetivos deste estudo foram: 1. avaliar a presença de infecção natural pelo VHB, anterior à vacinação, medida pelo anticorpo contra o AgHBc (anti-HBc) e sua relação com as condições epidemiológicas gerais, de vida pessoal e profissional e de risco de infecção pelo VHB; 2. os níveis de anticorpo contra o AgHBs (anti-HBs) e sua relação com as condições epidemiológicas gerais, de vida pessoal e profissional e de exposição ao risco de infecção pelo VHB. Foram estudados 113 funcionários, sendo 98 do sexo feminino entre 21 e 60... .pt
dc.description.abstractHepatitis B Virus (HBV) infection is a major worldwide health problem. It is estimated that 300 million people are chronic carriers with 2 million deaths annually. HBV is transmitted by both parental and sexual routes. Infection risk, which is 5% in the general population, can be 15 – 20% in healthcare workers as they are in frequent contact with patient blood. Today Hepatitis B is considered one of the major occupational infections in hospitals. The most effective measure against infection is active immunization of susceptible individuals with available vaccines that are highly efficient and safe. Seroconversion occurs at an inverse proportion to immunized persons age, reaching up to 90% in young adults. The objectives of this study were to evaluate: 1. Natural HBV infection prior to vaccination determined by anti-HBc antibodies and its relation to general epidemiological conditions of personal and professional life and the risk of HBV infection; and 2. anti-HBs antibody levels and its relation to general epidemiological conditions of personal and professional life and exposure to risk of HBV infection. We studied 113 healthcare workers; 98 females between 21 and 60 years old, and 15 males between 21 and 53 years old... (Complete abstract, click electronic address below).en
dc.description.sponsorshipUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.format.extent101 f.
dc.identifier.aleph000216204
dc.identifier.capes33004064065P4
dc.identifier.citationOSTI, Cristina. Vírus da hepatite B: avaliação do risco de infecção e da resposta sorológica à vacina em funcionários de limpeza do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP. 2004. 101 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2004.
dc.identifier.fileosti_c_me_botfm.pdf
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/89978
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.sourceAleph
dc.subjectHepatite - Avaliação de riscos de saúdept
dc.subjectHepatitisen
dc.titleVírus da hepatite B: avaliação do risco de infecção e da resposta sorológica à vacina em funcionários de limpeza do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESPpt
dc.typeDissertação de mestrado
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Medicina, Botucatupt
unesp.graduateProgramDoenças Tropicais - FMBpt
unesp.knowledgeAreaDoenças tropicaispt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
osti_c_me_botfm.pdf
Tamanho:
999.25 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format