Conservação de uvas Crimson Seedless e Itália, submetidas a diferentes tipos de embalagens e dióxido de enxofre (SO2)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2008-03-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Fruticultura

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Estudaram-se o efeito de diferentes tipos de embalagens e a ação do dióxido de enxofre (SO2) na conservação pós-colheita de uvas finas de mesa var. Crimson Seedless e Itália. Os frutos, colhidos em propriedade agrícola situada no município de Boa Vista-RR (Lat. 2º 50' 06 N e Long. 60º 40' 28 W), apresentavam, no momento da colheita, sólidos solúveis (SS) médios de 16,50 e 14,80°Brix, para as variedades Crimson Seedless e Itália, respectivamente. Antes da confecção dos tratamentos, os cachos foram higienizados em solução de hipoclorito de sódio (NaOCl) a 100 mg.L-1, previamente acidificada, por dez minutos. Utilizaram-se, para a atmosfera modificada passiva, sacolas de polietileno de baixa densidade (PEBD), sem perfuração, com 0,010; 0,015 e 0,020mm de espessura,e acondicionadas em embalagens secundárias de papelão (4kg) e de madeira (7,5kg). Para a geração do SO2, foram utilizados papéis Kraft de liberação rápida, com 3 e 8g de metabissulfito de sódio (Na2S2O5). Após a confecção dos tratamentos, os frutos foram armazenados em câmara frigorífica a 4 ± 1°C e 95 ± 3% de umidade relativa (U.R.). As avaliações foram realizadas no momento da colheita e, 7; 21; 35; 42 e 56 dias de armazenamento refrigerado, quanto à porcentagem de perda de massa fresca, taxa de desgrana e de bagas deterioradas, qualidade do engaço e teor de SS dos frutos. Após oito semanas, foi realizado teste de preferência para as duas variedades. Verificou-se, em ambas as variedades, que as uvas submetidas à ação do gerador de SO2 , contendo 3g de metabissulfito de sódio e acondicionamento em embalagens de PEBD de 0,020mm de espessura, independentemente do tipo de embalagem secundária, apresentaram a menor perda de massa fresca, menor taxa de desgrana e de bagas deterioradas, e melhor qualidade do engaço. Os resultados da análise sensorial concordaram com os resultados das análises físico-químicas. Não foram detectadas diferenças nos teores de SS entre os tratamentos, em ambas as variedades. (Apoio: Roraima Agrofrutas).

Resumo (inglês)

It was studied the effect of different types of packages and, the action of sulfur dioxide (SO2), in post harvest of fine grapes var. Crimson Seedless and Italia. The fruits, harvested in a farm located in Boa Vista, State of Roraima (Lat. 2° 50' 06'' N and Long. 60° 40'28''W), showed, soluble solids (SS) medium of 16.50 and 14.80°Brix, for the varieties Crimson Seedless and Italia, respectively. Prior to treatment, bunches were cleaned in sodium hypochlorite (NaOCl) solution at 100 mg.L-1, previously acidulated, for 10 minutes. For the modified passive atmosphere were used bags of low density polyethylene (LDPE), not perforated, with 0.010, 0.015 and 0.020mm of thickness and, arranged in corrugated cardboard (4kg) and wood (7.5kg) boxes. To produce SO2 it was used Kraft papers of quickly liberation, with 3 and 8g of sodium metabysulfite (Na2S2O5). After the treatment, the fruits were storage in cold chamber at 4 ± lºC and 95 ± 3% of relative humidity (R.H.) The evaluation were carried out in the moment of harvest and, at 7, 21, 35, 42 and 56 days of cold chamber, for cluster weight loss, percentage of detached and deteriorated berries, quality of stem and, content of SS of fruits. After eight weeks it was carried out a sensorial analysis for the two varieties. It was identified in both varieties, that grapes submitted to generate SO2, containing 3g of sodium metabysulfite and, wrapped in packages of LDPE of 0.020mm of thickness, regardless type of secondary package showed smaller weight loss, smaller percentage of detached and deteriorated berries and, best quality of stem. The results in the sensorial analysis had agreed to the physical-chemical results. There is no significant difference in the contents of SS between the treatments, in both varieties.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Revista Brasileira de Fruticultura. Sociedade Brasileira de Fruticultura, v. 30, n. 1, p. 65-73, 2008.

Itens relacionados

Financiadores