Processamento auditivo na perda auditiva unilateral: relato de caso

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-12-01

Autores

Salvador, Karina Krähembühl
Pereira, Tatiane Cristina
Moraes, Tamyne Ferreira Duarte de
Cruz, Mariana Sodário [UNESP]
Feniman, Mariza Ribeiro

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

Resumo

A perda auditiva unilateral representa grande risco para o atraso acadêmico, a comunicação, o desenvolvimento social e também para o processamento auditivo. Assim, o objetivo deste estudo foi avaliar as habilidades auditivas de localização, fechamento, figura-fundo, resolução temporal e ordenação temporal simples de um sujeito do gênero masculino, 17 anos de idade, com diagnóstico de perda auditiva sensorioneural unilateral de grau profundo, de causa idiopática, sem outros comprometimentos. O processo de avaliação constituiu da aplicação de um questionário, da realização da avaliação audiológica clínica convencional (audiometria tonal, logoaudiometria e imitanciometria) e de testes de processamento auditivo monóticos (SSI ipsilateral, Teste de fala filtrada) e dióticos (Localização sonora, Memória auditiva para sons verbais, Memória auditiva para sons não verbais, AFT-R). Apenas o teste de Localização sonora apresentou resultados alterados. Não foram relatadas queixas relacionadas à habilidade de localização sonora, atenção, discriminação e compreensão auditiva. No caso em estudo, a perda auditiva sensorioneural unilateral de grau profundo não pareceu restringir o desenvolvimento das habilidades do processamento auditivo avaliadas, exceto no que se refere à localização da fonte sonora.
Unilateral hearing loss represents great risk to academic backwardness, communication, social development, and also to auditory processing. Thus, the aim of this study was to evaluate the auditory abilities of localization, closing, figure-ground, temporal resolution, and simple temporal ordering in a male 17-year-old individual diagnosed with profound unilateral sensorineural hearing loss of idiopathic etiology, without other alterations. The evaluation process consisted on the application of a checklist, and the conduction of conventional clinical audiological evaluation (pure-tone audiometry, logoaudiometry, and tympanometry), and of monotic (ipsilateral SSI, Filtered speech test) and diotic (Sound localization, Auditory memory for verbal and non-verbal sounds, AFT-R) auditory processing test. Results showed alteration only in the sound localization test. No complaints were reported regarding the abilities of sound localization, attention, discrimination, and comprehension. In this case study, the profound unilateral sensorineural hearing loss did not seem to restrict the development of the auditory processing abilities evaluated, except for the localization of the sound source.

Descrição

Palavras-chave

Audição, Perda auditiva unilateral, Percepção auditiva, Localização de som, Questionários, Hearing, Hearing loss, unilateral, Auditory perception, Sound localization, Questionnaires

Como citar

Jornal da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 23, n. 4, p. 381-384, 2011.