Avaliação do potencial de carreadores lipídicos nanoestruturados para a administração cutânea de trans-resveratrol

dc.contributor.advisorChorilli, Marlus [UNESP]
dc.contributor.authorFachinetti, Naiara [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.date.accessioned2015-03-23T15:14:33Z
dc.date.available2015-03-23T15:14:33Z
dc.date.issued2013
dc.description.abstractA exposição à radiação solar ultravioleta pode induzir a formação de radicais livres na superfície da pele humana, acelerando o processo de envelhecimento cutâneo, o qual pode ser evidenciado por hiperpigmentação, que traz como consequências aumento na atividade das enzimas melanogênicas, além da liberação de mediadores pró-inflamatórios produzidos pelos queratinócitos, como a interleucina-1α e a endotelina-1 (ET-1). Estudos recentes têm demonstrado que o trans-resveratrol (RES), devido às suas propriedades antioxidantes, despigmentantes e anti-inflamatórias, pode ser um importante aliado no tratamento das alterações decorrentes do fotoenvelhecimento. Dessa forma, sua administração cutânea seria conveniente a fim de localizá-lo no seu sítio de ação. No entanto, algumas de suas propriedades físico-químicas, como limitada solubilidade aquosa e, principalmente, sua alta capacidade de reagir com espécies reativas de oxigênio, dificultam sua eficiência terapêutica tópica, uma vez que possui baixa penetração na pele. Uma alternativa é a sua incorporação em sistemas nanoestruturados, como os carreadores lipídicos nanoestruturados (CLN), que têm sido empregados com sucesso nas áreas farmacêutica e cosmética por apresentarem a capacidade de compartimentalizar, de maneira eficiente, diversos grupos de substâncias ativas, modificando suas propriedades e comportamento em meio biológico. Este projeto teve como objetivo desenvolver e caracterizar, sob o aspecto físico-químico, CLN para a incorporação de RES, de maneira a otimizar sua utilização como agente despigmentante no tratamento do fotoenvelhecimento cutâneo. Foram obtidos CLN empregando os componentes da fase lipídica (estearato de polioxietileno (40) ou behenato de glicerila, triglicérides do ácido cáprico/caprílico e o óleo de rícino) e da fase aquosa (polaxamer 407, nipagin, nipazol e água) pelo uso do homogeneizador de cisalhamento ...pt
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.format.extent77 f.
dc.identifier.aleph000745568
dc.identifier.citationFACHINETTI, Naiara. Avaliação do potencial de carreadores lipídicos nanoestruturados para a administração cutânea de trans-resveratrol. 2013. 77 f. , 2013.
dc.identifier.file000745568.pdf
dc.identifier.lattes1427125996716282
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/118960
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.sourceAleph
dc.subjectEnvelhecimentopt
dc.subjectRadicais livres (Quimica)pt
dc.subjectAntioxidantespt
dc.subjectPelept
dc.subjectRadiação solar - Efeito fisiologicopt
dc.subjectRadiação ultravioletapt
dc.subjectAntioxidantspt
dc.titleAvaliação do potencial de carreadores lipídicos nanoestruturados para a administração cutânea de trans-resveratrolpt
dc.typeTrabalho de conclusão de curso
unesp.advisor.lattes1427125996716282
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Araraquarapt
unesp.undergraduateFarmácia-Bioquímica - FCFARpt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
000745568.pdf
Tamanho:
1 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format