Avaliação do estado nutricional de gestantes do município de Botucatu, quanto a macro e micro nutrientes em relação à renda no período de 1996-1998

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2002

Autores

Cassettari, Maria Luiza [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A gravidez é uma fase do ciclo de vida em que a nutrição desempenha um papel muito importante, uma vez que esta influência o produto da concepção. O objetivo deste estudo foi descrever o estado nutricional de gestantes do município de Botucatu que se localiza na região centro sul do estado de São Paulo, distando aproximadamente 230km da Capital. A população é predominantemente urbana. Foram estudadas 496 gestantes com idade de 13-43 anos submetidas a entrevista para obtenção de dados socioeconômicos, demográficos e dietéticos, e coleta de sangue. Dentre as mulheres 83% eram brancas. 30,5% de adolescente, a renda mostrou que 69% estava abaixo da linha de pobreza, a escolaridade mostrou 63% era baixa, 79% casada, 25% eram fumantes, 41% eram primigestas e 12% apresentaram positividade para o exame parasitológico. As medianas para as variáveis antropométricas (percentagem de gestantes abaixo do ponto de corte) foram para: peso pré gestacional-56,0 kg;(20), peso gestacional-58,1 kg (15); estatura -158 cm(9), índice de massa corpórea pré gestacional-22,0 kg/m2 (18,7), circunferência do braço-270 mm (8,0), prega tricipital-8,6 mm (4,0).O IMC, ainda detectou 17,5% acima da normalidade. O ganho de peso semanal foi 180 g, mostrando valores maiores nas gestantes com IMC abaixo da normalidade. As medianas da ingestão de nutrientes (percentagem de gestantes que ingerem menos que 100% do RDA) foram para : energia 2186 Kcal (73), proteína 64,5 g (42), vitamina A 647,6 mg (56), a tocoferol 4,3 mg (100), vitamina C 106,0 mg (30) e ferro 11,0 mg (99). Os exames bioquímicos mostraram as medianas (percentagem abaixo do ponto de corte): hemoglobina 13,0 g/dL (3),ferro 92mg/dL (13), saturação da transferrina...
Pregnancy is a life cycle where nutrition plays an important role once it influences the product of conception. This study aimed to describe nutritional status of pregnant women in Botucatu located in the southern part of the State of São Paulo, 230 km far from the capital (São Paulo City). Population is predominantly an urban one. Pregnant women (496) between 13 and 43 years old were studied and subjected to interviews to obtain social, economic, demographic, dietetic data a well as blood sampling. Within the women 83% were white, 30.5% adolescents and the income showed that 69% were down poverty line, education was low 63%; 79% were married, 25% were smokers, 41% were pregnant for the first time, and 12% were positive for parasitological exam. Medians and anthropometric variables (percentage of pregnant women below cut point) were: pre-gestational weight – 56.0 kg (20) gestational weight - 58.1 kg (15) height 158 cm (9) ; pre-gestational body mass index 22.0 kg/m2 (15.o); arm circumference 270 mm (8.0); tricipital fold 18.6 mm (4.0) . BMI also detected 15.5% above normality. Weekly weight gain was 180g, with higher values on below normal BMI pregnant women. Nutrients intake medians (percentage of pregnant women who intake less than 100 % of RDA) was: energy 2186 Kcal (73), protein 64.5g (42) , vitamin A 647.mg (56), a- tocopherol 4.3 mg (100), vitamin C 106.0 mg (30) and iron 11.0 mg (99). Biochemical examinations showed medians (percentage below cut point) : hemoglobin 13.0 g/dL (3), iron 92 μ/dL (13), transferrin saturation 30.0% (8), ferritine... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Palavras-chave

Gravidez - Aspectos nutricionais, Pregnancy - Nutritional aspects

Como citar

CASSETTARI, Maria Luiza. Avaliação do estado nutricional de gestantes do município de Botucatu, quanto a macro e micro nutrientes em relação à renda no período de 1996-1998. 2002. 163, [48] f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2002.