Um estudo sobre as relações entre os conflitos interpessoais e o bullying entre escolares

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2013
Autores
Frick, Loriane Trombini [UNESP]
Menin, Maria Suzana de Stéfano [UNESP]
Tognetta, Luciene Regina Paulino [UNESP]
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Resumo
The research aimed to analyzing the relationship between the styles of conflict resolution adopted by the teachers and the students' ways of acting facing conflicts between peers and the possible incidence of bullying in two classes of the early years of two elementary public schools in a city in the interior of São Paulo state. The methodology is quantitative and qualitative approach, which approximates a case study. For data collection, observations were conducted in two classrooms, a form was filled up for characterization of socio moral environments and two questionnaires were applied to students: one with stories of hypothetical conflicts based on Vicentin; another on bullying, inspired in Olweus and OrtegaMora and Mora Merchán’s instruments. It became evident that interpersonal relationships established in school, especially in the classroom, form a determined environment socio moral and influence the way the students interact and solve conflicts, as well as, the possible practice of bullying.
Esta investigación tiene como objetivo analizar la relación entre los estilos de resolución de conflictos adoptado por los maestros y la manera de actuar de los estudiantes delante de los conflictos entre ellos y la posible incidencia del bullying en las dos clases a principio de los años de dos escuelas primarias públicas en una ciudad del interior de São Paulo. La metodología utilizada se caracterizó por un abordaje cuantitativo y cualitativo, se aproximando de un estudio de caso. Para la colecta de datos, las observaciones se realizaron en dos clases, donde ha sido rellenado una ficha para la caracterización de ambientes socio morales y aplicaron dos cuestionarios a los estudiantes: uno con conflictos hipotéticos de historias basadas en Vicentin; el otro sobre el bullying, inspirado en los instrumentos de Olweus y Ortega y Mora-Merchán Mora. Se evidenció que las relaciones interpersonales establecidas en la escuela, especialmente en las clases, forman un determinado ambiente sociomoral e influencian en cómo los alumnos interaccionan y resuelven los conflictos, así como, en la posible practica de bullying.
A pesquisa que deu origem a este estudo teve por objetivo analisar as relações entre os estilos de resolução de conflitos adotados pelos professores e os modos de agir dos alunos perante conflitos entre pares e a possível incidência de bullying, em duas classes dos anos iniciais do Ensino Fundamental de duas escolas públicas de um município do interior de São Paulo. A metodologia utilizada caracterizou-se por uma abordagem quantitativa e qualitativa, aproximando-se de um estudo de caso. Para a coleta de dados, realizaram-se observações nas duas classes, preencheu-se uma ficha para caracterização dos ambientes sociomorais e aplicou-se dois questionários aos alunos: um com histórias hipotéticas de conflitos, baseado em Vicentin; outro sobre bullying, inspirado nos instrumentos de Olweus e de Ortega, MoraMerchán e Mora. Evidenciou-se que as relações interpessoais estabelecidas na escola, em especial na sala de aula, formam um determinado ambiente sociomoral e influenciam no modo como os alunos interagem e resolvem conflitos, bem como, na possível prática do bullying.
Descrição
Palavras-chave
Socio moral environment, Interpersonal conflicts, Bullying, Ambiente sociomoral, Conflictos interpersonales, Bullying, Ambiente sociomoral, Conflitos interpessoais, Bullying
Como citar
Reflexão e Ação, v. 21, n. 1, p. 92-112, 2013.
Coleções