O significado de aprender para alunos de uma escola agrotécnica

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2005-12

Autores

Borges, Rita De Cássia Pereira
Carvalho, Washington Luiz Pacheco De [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências, campus de Bauru.

Resumo

This study aimed at revealing the meaning of learning among students of a technical High School. As what was intended to be understood were the meanings of learning, it was necessary to obtain descriptions of the people who were experiencing this phenomenon.. A phenomenological approach was used and the data was comprised of observations and interviews. From these, the structures of the phenomena were described inside the discourses, in the naïve descriptions, in the class observations and in the interviews. From the ideographic and nomothetic analysis of the descriptions, it was possible to obtain hints of how the students understood the phenomena. So, the meanings were obtained in a phenomenological reduction process. In the search of convergences and divergences of meanings among the students, the invariance and the categories that expressed relevant aspects of the phenomena were emphasized. The convergences obtained showed that the meaning of learning encompasses the sense of learning, the context of learning and the affectiverelational relationship in learning. As a conclusion, a reflection about the meaning of learning for those students and its possible implication to knowledge is suggested.
Este trabalho de pesquisa se propôs a desvelar o significado de aprender entre os alunos de uma escola agrotécnica. Como aquilo que se busca compreender são os significados de aprender, fezse necessário ir ao encontro de sujeitos que vivenciam este fenômeno e deles obter-se descrições sobre suas vivências. Como procedimento metodológico, foi utilizada a pesquisa qualitativa na modalidade fenomenológica. Os instrumentos que possibilitaram a constituição de dados foram a observação de alunos em situações vivenciadas na sala de aula e entrevistas. Com o objetivo de se desvelar o fenômeno investigado, buscou-se sua estrutura nos discursos, nas descrições ingênuas coletadas, nos acompanhamentos e nas entrevistas, possibilitando-se, assim, o acesso ao vivido. Captada pela escrita e pela fala, as descrições fornecem indicativos de como o sujeito percebe o fenômeno, o que vai se revelando à medida que as descrições são analisadas. Assim, procedeu-se às análises idiográfica e a nomotética. Os significados a que se chegou foram perseguidos num processo de redução fenomenológica. Na busca das convergências e divergências de significados entre os alunos, procurou-se evidenciar os invariantes e as categorias que expressam aspectos relevantes do fenômeno estudado. As convergências a que se chegou evidenciaram significados de aprender que abrangem o sentido de aprender, as condições para aprender e relações afetivo-relacionais no aprender. Por fim, elaborou-se uma interpretação e uma reflexão a respeito do significado de aprender para os alunos e a relação desse significado com situações vividas em uma escola agrotécnica.

Descrição

Palavras-chave

phenomenology, meaning of learning, agrotechnical school, fenomenologia, significado de aprender, escola agrotécnica

Como citar

Ciência & Educação (Bauru). Bauru, SP, Brazil: Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, campus de Bauru., v. 11, n. 3, p. 427-443, 2005.

Coleções