Avaliação da atividade fotocatalítica sobre a inativação de Escherichia coli, Staphylococcus aureus e Saccharomyces cerevisiae utilizando dióxido de titânio, para aplicação em desinfecção de águas

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2005-10-20

Autores

Ribeiro, Marcela Alves [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O tratamento fotocatalítico é uma importante alternativa à desinfecção de águas, uma vez que os métodos tradicionalmente utilizados, como a cloração, levam à produção de compostos tóxicos ao ser humano, como os trihalometanos. Quando um semicondutor é iluminado com luz ultravioleta, ocorre a formação de radicais hidroxila, responsáveis pelo processo de desinfecção. Neste trabalho, utilizamos dióxido de titânio em pó e um eletrodo de dióxido de titânio como semicondutores, testando suas eficiências sobre a inativação de Escherichia coli, Staphylococcus aureus e Saccharomyces cerevisiae. O dióxido de titânio em pó, com exceção de Staphylococcus aureus, apresentou uma maior eficiência que o filme de dióxido de titânio.
The photocatalytic treatment is an important alternative to water desinfection, once the traditional methods like chlorination leads to the production of toxic compounds to humans, for example, the trihalomethanes.When a semiconductor is illuminated with ultraviolet irradiation, hidroxyl radicals are generated which are responsible for water disinfection. In this work, we used titanium dioxide powder and a titanium dioxide film as semiconductors and we studied its efficiencies on the killing of Escherichia coli, Staphylococcus aureus and Saccharomyces cerevisiae. The suspension of titanium dioxide powder showed a better eficiency than titanium dioxide film except for Staphylococcus aureus.

Descrição

Palavras-chave

Microorganismos, Desinfecção de águas, Water desinfection

Como citar

RIBEIRO, Marcela Alves. Avaliação da atividade fotocatalítica sobre a inativação de Escherichia coli, Staphylococcus aureus e Saccharomyces cerevisiae utilizando dióxido de titânio, para aplicação em desinfecção de águas. 2005. 58 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências, 2005.