DISTRIBUIÇÃO DE SUBSTRATOS NAS COLÔNIAS DE Atta laevigata (F. Smith, 1858) (HYMENOPTERA: FORMICIDAE)

Nenhuma Miniatura disponível

Data

1999-01-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade de São Paulo (USP), Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ)

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Estudou-se a distribuição de substratos em duas colônias adultas (L-1 e L-2) da saúva Atta laevigata (F. Smith, 1858), com áreas de terra solta de 26,10 e 31,30 m2. Alguns orifícios de abastecimento foram mapeados utilizando-se iscas de canudinhos plásticos impregnados com polpa cítrica. Depois selecionou-se três orifícios para o ninho L-1 e um orifício para o ninho L-2, onde foram colocadas iscas cítricas impregnadas com corantes azul, amarelo e vermelho e amarelo misturado com grãos de milho, respectivamente. Após 24 horas da colocação das iscas, as colônias foram mortas e escavadas totalmente. Durante a escavação, registrou-se a presença ou ausência dos corantes nas câmaras com cultura de fungo. Observou-se, neste trabalho, que as iscas com corantes distribuíram-se em todos os setores para os ninhos L-1 e L-2 e em todas as profundidades para o ninho L-1. No entanto, em L-2 encontrou-se corante nas profundidades de 1 a 4m, independentemente do local em que foram colocadas, indicando que as iscas formicidas colocadas em apenas um orifício de abastecimento da colônia, podem ser distribuídas uniformemente pelo ninho.

Resumo (inglês)

Substrate distribution in was studied two adult leaf cutting ant Atta laevigata (F. Smith, 1858) colonies (L-1 and L-2), with 26.10 and 31.30 m2 areas of refuse soil. Some nest holes were mapped through the use of baits made of small plastic straws soaked with citric pulp. Three holes, equidistant from one another, were then selected for nest L-1, and a single hole in nest L-2. Blue-, yellow - and red-colored citric baits, and yellow baits plus corn, were placed in nests L-1 and L-2, respectively. After 24 hours from the deposition of the baits, the colonies were killed and totally excavated. During digging, the presence or absence of dye baits in the chambers containing fungi, was registered. It was observed that the baits were distributed in all sectors of L-1 and L-2 nests and in all depths only for L-1. However, the dyed baits of L-2 nest were detected from 1 to 4 meters deep, independently of the places where the baits were disposed. Thus, it can be concluded that toxic baits placed in a single supply-hole of a colony are uniformly distributed inside the nest.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Scientia Agricola. São Paulo - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, v. 56, n. 2, p. 465-469, 1999.

Itens relacionados