Indústria cultural e sistemas apostilados de ensino: a docência administrada

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012-12-11

Autores

Amorim, Ivair Fernandes de [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Esta tese aborda a atuação docente frente à adoção de sistemas apostilados de ensino, mercadorias educacionais que podem ser consideradas bens simbólicos que atendem aos preceitos da Indústria Cultural. Ao buscar a contextualização desta prática, faz uma análise sobre a Tecnologia do Ensino, por meio dos conceitos de Instrução Programada e Máquina de Ensino propostos por Skinner; da Vantagem Acadêmica de Cuba, exposta na obra de Carnoy e também uma reflexão sobre os mecanismos de controle evocando teóricos como: Goffman, Heller, Lapassade, Foucault e Elias. Concluída esta análise inicial, busca fundamentação teórica no pensador frankfurtiano Hebert Marcuse, com a finalidade de explanar sobre os feitos da sociedade industrial e sua capacidade de dissimular os mecanismos de controle por meio da administração social. Ao partir do conceito de sociedade administrada propõe o conceito de docência administrada e para problematiza-lo procede a análise de um estudo de caso. Em suma, este trabalho busca, à luz de conceitos frankfurtianos, analisar a inserção de apostilas em escolas públicas, evidenciando suas características de mercadorias assim como os efeitos desta iniciativa sobre o trabalho do professor
This thesis approaches the teacher‟s work face to the adoption of education systems of teaching, educationals merchandises that may be knowns to be symbolic possessions that attend in the precepts of Cultural Industry. Aiming to seek the contextualization of this practice, this paper makes an analysis concerning the Teaching Technology, through concepts such as Programmed Instruction and Teaching Machine, both proposed by Skinner; Cuba‟s Academic Advantage, presented in Carnoy‟s studies, and it reflects about the mechanisms of control evoking theorists like: Goffman, Heller, Lapassade, Foucault and Elias. When finished this initial analysis, this study resorts to the theoretical groundwork of the Frankfurt School thinker Hebert Marcuse, intending to talk about the feats of the industrial society and its capacity to feign the mechanisms of control through social administration. From the concept of administered society, this work proposes the notion administered teaching and in order to discuss it, investigate a case study. In brief, this paper seeks to analyze, in the light of some Frankfurt School concepts, the insertion of booklets in public schools, demonstrating its features as commodity, as well as the effects of this initiative over the teacher‟s work

Descrição

Palavras-chave

Autonomia, Industria cultural, Tecnologia educacional, Educação

Como citar

AMORIM, Ivair Fernandes de. Indústria cultural e sistemas apostilados de ensino: a docência administrada. 2012. 199 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara, 2012.