Vulnerabilidade da assistência aos idosos nos processos de trabalho do Sistema Único de Saúde, sob a ótica da ergologia

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2022-12-14

Autores

Niedo, Victória Roberta Gabiati

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Introdução: O SUS é a resposta às necessidades de saúde dos br A vulnerabilidade, do latim vulnerare, asileiros. significa provocar um dano ou uma injúria. A disciplina que estuda o processo de trabalho é a ergologia. Entrelaçando os temas, da mesma maneira que a vulnerabilidade evidencia fragilidades, também é a forç a para criar novos modos de assistir ao idoso. Objetivo: analisar a vulnerabilidade da assistência aos idosos nos processos de trabalho do SUS, sob a ótica da ergologia. Método: Qualitativo, com entrevista semiestruturada realizada entrevist online , foram ados 10 profissionais da saúde em uma clínica geriátrica de um hospital público. Referencial metodológico utilizado: Análise de Conteúdo de Bardin, que descreve: unidade de significado, interpretação do significado, subtema e tema. Resultados: emergiram 4 categorias: 1. Processo de trabalho, que analisou competências técnicas, administrativas, de informação e execução da instituição, 2. Logística Organizacional, que analisou o atendimento aos idosos e os acompanhantes, 3. Equipe multiprofissional, que anal isou a composição da equipe, a relação e a formação acadêmica, 4. Necessidades do idoso, que considerou as características físicas, comorbidades e manejo do paciente. Conclusão: trabalho contribui com a temática, pois possibilita identificar as fragilida o des e as possibilidades de atuação nas instituições de assistência à saúde tendo a ergologia como ótica metodológica.
Introduction: The SUS is the answer to the health needs of Brazilians. Vulnerability, from the Latin vulnerare , means to cause harm or injury. The discipline that studies the work process is ergology. Intertwining th e themes, in the same way that vulnerability highlights weaknesses, it is also the strength to create new ways of assisting the elderly. Objective: to analyze the vulnerability of care for the elderly in SUS work processes, from the perspective of ergology . Method: Qualitative, with a semistructured interview conducted online, 10 health professionals were interviewed in a geriatric clinic of a public hospital. Methodological framework used: Bardin's Content Analysis, which describes: unit of meaning, inter pretation of meaning, subtheme and theme. Results: 4 categories emerged: 1. Work process, which analyzed the institution's technical, administrative, information and execution skills, 2. Organizational Logistics, which analyzed care for the elderly and com panions, 3. Multiprofessional team, which analyzed the composition of the team, the relationship and academic training, 4. Needs of the elderly, which considered the physical characteristics, comorbidities and patient management. Conclusion: work contr the ibutes to the theme, as it makes it possible to identify weaknesses and possibilities for action in health care institutions using ergology as a methodological perspective.

Descrição

Palavras-chave

Vulnerabilidade, Idoso, Gestão em saúde, Geriatria, Vulnerability, Elderly, Health management, Geriatrics, Qualidade da assistência à saúde, Quality of health care

Como citar