PARALISIA CEREBRAL: EFEITOS DA ESCRITA SOBRE A ESCRITA

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2017-08-01

Autores

Vasconcellos, Roseli
Del Ré, Alessandra

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho

Resumo

ABSTRACT: We attempted to grasp the effect of reading texts on a child's writing. The child, henceforth S., cannot speak or write on her own due to Cerebral Palsy. The teacher reported S.'s difficulties with reading activities, thus a weekly activity involving one of Eva Furnari's books was suggested by the speech therapist at the school-clinic class the child attended. The activity resulted in the child producing several texts. Film transcriptions where these texts were read were added to these productions, which integrated the corpus located in the NALingua-CNPq data bases. The data analysis was based on Borges (2006) who recommends a literacy process through the reading of different texts. The results point to a particular reading and writing acquisition process in which intersections between symbols/writing and writing/writing operate the child's reading process. S.'s writing productions present effects of the matrix-texts read, in a set of mirrors which reveal the functioning of language, and at the same time differences denoting the singularity of a person. Objective and subjective changes due to the assumption of a divergent theoretical approach by the speech therapist in relation to the teacher's approach resulted in objective and subjective changes of the child's relationship to writing.
RESUMO: Buscamos apreender efeitos da leitura de textos na escrita de uma criança, designada como S., impedida de oralizar e escrever de próprio punho por apresentar Paralisia Cerebral. Mediante dificuldades de S. na leitura, relatadas pela professora, uma atividade semanal foi proposta pela fonoaudióloga na sala de aula da escola-clínica que S. frequentava, a partir de livro de Eva Furnari, resultando em uma produção expressiva de textos pela criança. A essas produções somam-se transcrições de filmagens em que esses textos foram lidos, que compõem o corpus alocado no banco de dados do Grupo NALingua-CNPq. Tais dados foram analisados com base em Borges (2006) que propõe a alfabetização de crianças baseada na imersão em leituras de textos diversos. Os resultados apontam para um processo de aquisição da leitura e escrita peculiar, em que cruzamentos entre símbolos/escrita e escrita/escrita operam a leitura da criança. Suas produções trazem efeitos dos textos matriz, lidos em um jogo de espelhos que revelam o funcionamento da língua e, ao mesmo tempo, diferenças: marcas de um sujeito em sua singularidade. Mudanças objetivas e subjetivas na assunção de abordagem teórica diversa da do professor pelo fonoaudiólogo resultaram em mudanças objetivas e subjetivas na relação de S. com a escrita.

Descrição

Palavras-chave

Cerebral palsy, Language, Acquisition of writing skills, Alternative communication, Blissymbolics, Paralisia cerebral, Linguagem, Aquisição da escrita, Comunicação alternativa, Símbolos Bliss

Como citar

Alfa: Revista de Linguística (São José do Rio Preto). Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, v. 61, n. 2, p. 319-349, 2017.

Coleções