Efeitos da reprodução, idade, sexo e sazonalidade no orçamento de atividades em bugios-ruivos (Alouatta guariba clamitans) selvagens

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023-06-16

Autores

Mello, Isabella Nunes Fernandes de

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Análises do orçamento de atividades são importantes para entender como os animais usufruem do ambiente em que estão inseridos e como gastam seu tempo nas atividades diárias. Tal conhecimento visa compreender as demandas energéticas e como estas se relacionam com o comportamento das espécies, permitindo entender como essas atividades essenciais limitam a reprodução e a sobrevivência dos animais. Considerando que variáveis de sexo, idade, sazonalidade e estágio reprodutivo interferem no balanço energético e, portanto, também no orçamento de atividades, o presente estudo teve como objetivo analisar se e como tais variáveis influenciam o orçamento de atividades de bugios-ruivos (Alouatta guariba clamitans) selvagens. Durante o período de novembro de 2017 até dezembro de 2018, dois grupos foram acompanhados no Parque Estadual Carlos Botelho, São Paulo, Brasil. Ambos os grupos tinham composições similares, com um macho adulto, duas fêmeas adultas e suas proles, um (G4) ou dois (G3) machos subadultos e dois machos filhotes. Os registros comportamentais dos bugios foram feitos por meio do método de scan sampling, com intervalos de 20 minutos. O padrão de atividade geral foi: descanso (53,89%, n = 4678 registros), forrageio (22,85%, n = 1983 registros), locomoção (14,12%, n = 1226 registros), interação (4,65%, n = 404 registros) e outros comportamentos (4,48%, n = 389 registros). A principal variável que explicou a variação no orçamento de atividades foi a sazonalidade, embora sexo e idade também tenham influenciado, mas não o estágio reprodutivo. Ademais, houve grande diferença entre os grupos com relação a como cada variável influenciou no orçamento de atividades. Os resultados indicam a complexidade das interações ecológicas entre os bugios-ruivos e seu ambiente. Considerando que a espécie atravessa um período de forte declínio populacional e presta importantes serviços ecossistêmicos, a flexibilidade detectada no presente estudo pode ser crucial para a sua persistência no ambiente e recuperação da espécie.
Activity budget analyzes are important to understand how animals perceive the environment in which they live and how they spend their time in daily activities. Such knowledge aims to understand energetic demands and how these are related to the behavior of species, allowing us to understand how these essential activities limit reproduction and survival of animals. Considering that sex, age, seasonality and reproductive stage variables interfere in energy balance and, thus, also interfere in activity budget, the present study aimed to analyze if and how these variables influence the activity budget of wild brown howler monkeys (Alouatta guariba clamitans). Between November 2017 and December 2018, two groups were monitored in Parque Estadual Carlos Botelho, São Paulo, Brazil. Both groups had similar compositions, with one adult male, two adult females and their offspring, one (G4) or two (G3) subadult males, and two male infants. We used scan sampling for the behavioral data collection every 20 minutes. The general activity pattern was: resting (53.69%, n = 4678 records), foraging (22.85%, n = 1983 records), moving (14.12%, n = 1226 records), interaction (4, 65%, n = 404 records) and other behaviors (4.48%, n = 389 records). The main variable that explained the variation in the activity budget was seasonality, although sex and age also influenced, but not the reproductive stage. Furthermore, there was a great difference between the groups regarding how each variable influenced the activities budget. These results indicate the complexity of ecological interactions between howler monkeys. Considering that the species is going through a period of strong population decline and provides important ecosystem services, the flexibility detected in the present study may be crucial for its persistence in the environment and its recovery.

Descrição

Palavras-chave

Primatas neotropicais, Comportamento animal, Mata Atlântica, Interações ecológicas, Demanda energética, Neotropical primates, Animal behavior, Atlantic forest, Ecological interactions, Energy demand

Como citar