Determinação das propriedades físicas e químicas da madeira de Hevea brasiliensis em relação ao painel de extração de látex

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-10-31

Autores

Oliveira Junior, Euclides Fieri de [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O estudo das propriedades físicas e químicas da madeira possibilita um melhor aproveitamento das suas potencialidades. O aproveitamento da madeira de seringueira Hevea brasiliensis após o declínio da produção de látex tem relevância mundial. Uma parte da madeira da seringueira vem de uma área significativa do fuste submetida ao processo de extração de látex. Esse trabalho tem como objetivo analisar as características químicas e físicas da madeira proveniente da região submetida ao processo de extração de látex e compará-la a madeira originária da região que não sofreu processo de extração de látex. Foram utilizadas árvores de seringueira com 53 anos de idade, submetidas ao processo de extração de látex durante 45 anos ininterruptos. Foram realizadas as seguintes análises químicas: determinação do teor de holocelulose, do teor de lignina e teor de extrativos totais. Foram determinadas as seguintes propriedades físicas: densidade, contração volumétrica, contrações lineares e coeficiente de anisotropia. Não foram encontradas diferenças estatísticas entre as propriedades químicas das duas regiões do fuste analisadas nem entre os diferentes tipos de lenho juvenil e adulto. Em relação às propriedades físicas não foram encontradas diferenças entre as regiões estudadas, mas em relação ao tipo de lenho juvenil e adulto ocorrem diferenças estatísticas entre os coeficientes de contrações lineares e contração volumétrica
The study of physical and chemical properties of wood allows a better use of its potential. The use of wood from rubber tree Hevea brasiliensis after the decline of the production of latex has global significance. A portion of the rubber wood is a significant area of the stem submitted to the extraction process latex paper aims to analyze the chemical and physical characteristics of the wood from the region subjected to the process of extracting latex and compares it to wood originally from the region that has not undergone the process of extraction of latex. Rubber trees were used with 53 years old, subject to the latex extraction process for 45 consecutive years. We made the following chemical analysis: determination of holocellulose, lignin content and the content of total extractives. We determined the following properties: density, volumetric shrinkage, linear shrinkage and coefficient of anisotropy. There were no statistical differences between the chemical properties of both the stem region analyzed or between different types of juvenile and adult wood. Regarding the physical properties no differences were found between the regions studied, but in relation to the type of juvenile wood and adult wood statistical difference between the coefficients of linear shrinkage and shrinkage were found

Descrição

Palavras-chave

Seringueira, Madeira - Propriedades físicas, Hevea brasiliensis, Wood physical properties, Wood chemical properties

Como citar

OLIVEIRA JUNIOR, Euclides Fieri de. Determinação das propriedades físicas e químicas da madeira de Hevea brasiliensis em relação ao painel de extração de látex. 2011. vii, 55 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2011.