Show simple item record

dc.contributor.advisorSarnighausen, Valéria Cristina Rodrigues
dc.contributor.advisorDal Pai, Enzo [UNESP]
dc.contributor.authorPortugal, Leidiane
dc.date.accessioned2021-04-27T13:55:23Z
dc.date.available2021-04-27T13:55:23Z
dc.date.issued2021-01-28
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/204516
dc.description.abstractO lúpulo (Humulus lupulus L.) é originário do hemisfério norte, sua adaptação ao clima tropical encontrado no Brasil ainda está em curso e fatores como temperatura, horas de luz por dia (fotoperíodo) e a altitude devem ser considerados. Há uma carência de informações sobre as necessidades edafoclimáticas frente às condições do território nacional visto que a cultura ainda está em expansão no país. Muito tem se falado sobre o uso racional de recursos naturais, como a água, insumos, e a adubação química, dessa forma, em relação à sustentabilidade do cultivo do lúpulo, uma solução viável seria a aplicação de palhada ou serragem, para auxiliar na preservação da umidade e melhorar os atributos químicos e físicos do solo. Considerando a necessidade de uso racional de recursos hídricos, este trabalho teve como objetivo avaliar a influência da palhada e da serragem como cobertura do solo na cultura do lúpulo da cultivar Mapuche, no que tange à preservação de água no solo. A pesquisa foi conduzida no Departamento de Bioprocessos e Biotecnologia – DBB, da Faculdade de Ciências Agronômicas – FCA/Unesp, Campus de Botucatu. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com três tratamentos (solo descoberto, serragem e palhada de aparas de grama) e três blocos, sendo cada bloco representado por uma linha de plantio. As coberturas mortas promoveram uma maior retenção de água no solo, sendo 5,75% para serragem e 7,17% para grama, quando comparado ao tratamento controle, além de uma redução de 54,4% e 62,5% no consumo de energia nos tratamentos com serragem e grama, respectivamente, quando comparadas ao tratamento controle. As massas frescas e secas e diâmetro de caule não diferenciaram entre os tratamentos. Parâmetros como pluviosidade e radiação tiveram influência direta na umidade apresentada no solo.pt
dc.description.abstractHops (Humulus lupulus L.) are native to the northern hemisphere, their adaptation to the tropical climate found in Brazil is still ongoing and factors such as temperature, hours of light per day (photoperiod) and altitude must be considered. There is a lack of information on the edaphoclimatic needs in view of the conditions of the national territory since the culture is still expanding in the country. Much has been said about the rational use of natural resources, such as water, inputs, and chemical fertilization, so in relation to the sustainability of hop cultivation, a viable solution would be the application of straw or sawdust, to assist in the preservation moisture and improve the chemical and physical attributes of the soil. Considering the need for rational use of water resources, this work aimed to evaluate the influence of straw and sawdust as soil cover in the hop culture of the Mapuche cultivar, with regard to the preservation of water in the soil. The research was conducted at the Department of Bioprocesses and Biotechnology - DBB, Faculty of Agronomic Sciences - FCA / Unesp, Botucatu Campus. The experimental design was in randomized blocks, with three treatments (bare soil, sawdust and grass clippings) and three blocks, with each block represented by a planting line. Dead coverings promoted greater water retention in the soil, being 5.75% for sawdust and 7.17% for grass, when compared to the control treatment, in addition to a reduction of 54.4% and 62.5% in the consumption of energy in the treatments with sawdust and grass, respectively, when compared to the control treatment. The fresh and dry masses and stem diameter did not differ between treatments. Parameters such as rainfall and radiation had a direct influence on soil moisture. Keywords: Humulus lupulus. Soil moisture. Straw, Sawdust.pt
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.subjectHumulus lupuluspt
dc.subjectIrrigaçãopt
dc.subjectCobertura mortapt
dc.subjectUmidade do solopt
dc.subjectPalhadapt
dc.subjectSoil moisturept
dc.subjectStrawpt
dc.subjectSawdustpt
dc.titleAnálise de preservação de água no solo na cultura irrigada de lúpulo com o uso de cobertura mortapt
dc.title.alternativeAnalysis of water preservation in the soil in irrigated hop culture with the use of dead coveragept
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramAgronomia (Irrigação e Drenagem) - FCApt
unesp.knowledgeAreaIrrigação e drenagempt
unesp.researchAreaManejo da irrigaçãopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Agronômicas, Botucatupt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.capes33004064038P7
unesp.examinationboard.typeBanca públicapt
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record