Show simple item record

dc.contributor.advisorMenin, Maria Suzana De Stefano [UNESP]
dc.contributor.authorOliveira, Alana Paula [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:26:00Z
dc.date.available2014-06-11T19:26:00Z
dc.date.issued2013-06-25
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Alana Paula. Escola e família: relações possíveis em projetos de educação moral em escolas públicas. 2013. 136 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências e Tecnologia, 2013.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/92358
dc.description.abstractA presente pesquisa, que recebeu apoio financeiro da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), aborda as relações entre escola e família em projetos de Educação Moral. Este estudo se deu a partir de uma pesquisa anterior, intitulada “Projetos bem sucedidos de educação moral: em busca de experiências brasileiras”, na qual atuamos com bolsa de iniciação científica – PIBIC/CNPq, no período de 2009/2010. Constatamos que há uma queixa generalizada da escola de que a família não está cumprindo seu papel na formação moral dos filhos e que, por isso, essa responsabilidade passa a ser da escola. Propomo-nos, portanto, a dar continuidade às análises iniciadas nessa pesquisa, com o objetivo maior de investigar as concepções da escola em relação ao seu papel e ao papel da família na educação moral de crianças e adolescentes, bem como refletir sobre as potencialidades, dificuldades e avanços na relação escola-família neste tipo de educação. Para tanto, retiramos do banco geral de dados da pesquisa anterior 150 questionários do estado de São Paulo, respondidos por agentes escolares de escolas públicas de ensino fundamental (6º ao 9º ano) e médio; fizemos leituras e análises de tais questionários; selecionamos, ainda, seis escolas com experiências, aparentemente bem sucedidas e que faziam parcerias com as famílias; depois as visitamos e fizemos entrevistas com seus proponentes e participantes. Para compreendermos os dados coletados, criamos categorias e analisamos os resultados qualitativamente. De modo geral, a partir das visitas às escolas e das entrevistas, vimos que as famílias têm sido pouco envolvidas nos projetos de educação moral, assim como não têm tido uma relação de parceria com as escolas; a participação se restringe, muitas vezes, a reuniões de pais e/ou convocações por conta de mau comportamento dos alunospt
dc.description.abstractThis study, which has been developed with the financial support from FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), aims to analyze the relations between school and family in Moral Education projects. It was based on a previous research, “Successful Projects in Moral Education: in search of Brazilian experiences”, which was held with a scientific initiation scholarship – PIBIC/CNPq, during 2009/2010. We have found out that schools usually complain about having to assume the responsibility of promoting children’s moral education because parents have not been fulfilling their role in this aspect. Thus, extending our goal, we intend now to continue the analysis by means of investigating which are school’s conceptions about its own role and the family’s one in promoting children and adolescents’ moral education, as well as speculating about potentialities, difficulties, and advances in school-family relations as far as this kind of education is concerned. For this purpose, we have picked out from the previous research general bank data 150 questionnaires that had been answered by agents of public elementary (6th to 9th grade) and high schools in São Paulo State, which have then been read and analyzed; we have also selected six schools where partnership with families and apparently successful experiences could be found; finally we have visited these schools and interviewed their proponents and participants. To deal with the collected data, categories were created and the results were qualitatively analyzed. Altogether, after visits and interviews, we have confirmed that families have been neither involved in moral education projects nor established a partnership with schools; their participation, in general, has been limited to parent meetings and/or attendances to discuss students’ misbehaviorsen
dc.format.extent136 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.sourceAleph
dc.subjectEducaçãopt
dc.subjectEducação moralpt
dc.subjectEscolaspt
dc.subjectFamíliapt
dc.subjectEducationpt
dc.titleEscola e família: relações possíveis em projetos de educação moral em escolas públicaspt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramEducação - FCTpt
unesp.knowledgeAreaFormação inicial e continuada de professorespt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências e Tecnologia, Presidente Prudentept
dc.identifier.aleph000717528
dc.identifier.fileoliveira_ap_me_prud.pdf
dc.identifier.capes33004129044P6
dc.identifier.lattes8157283633787279
unesp.author.lattes8157283633787279
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record