Índice espectral de vegetação e fertilidade do solo na cultura de cana-de-açúcar

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2019-08-05

Orientador

Pissarra, Teresa Cristina Tarle

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Ciência do Solo) - FCAV

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

As tecnologias de sensoriamento remoto são utilizadas para definir índices de vegetação obtidos a partir da reflectância das culturas e para aprimorar as técnicas e práticas de manejo na implantação do sistema de agricultura de precisão. Este trabalho teve como objetivo analisar temporalmente, em três cortes (2016, 2017 e 2018), a correlação entre o índice espectral de vegetação (NDVI) e a fertilidade do solo, em área cultivada com cana-de-açúcar. A amostragem dos dados foi realizada em uma malha amostral de 57 pontos. O solo foi analisado considerando as características químicas de fertilidade e os índices de vegetação por diferença normalizada – NDVI foram obtidos por técnicas de sensoriamento remoto em imagens de satélite Landsat 8, datadas um mês anterior ao corte. As análises estatísticas foram realizadas para verificar as diferenças temporais entre as reflectâncias da cultura da cana-de-açúcar entre os anos de 2016 (3o corte), 2017 (4o corte) e 2018 (5o corte). O índice espectral de vegetação (NDVI) e a fertilidade do solo na cultura de cana-de-açúcar apresentam comportamento diferenciado ao longo do tempo. As zonas de solo mais fértil refletiram a transformação espectral das bandas projetadas para aumentar a contribuição das propriedades da vegetação e permitiu intercomparações espaciais e temporais com o desenvolvimento da atividade fotossintética da cana-de-açúcar e as variações estruturais do dossel anterior aos cortes. A técnica de sensoriamento com o índice espectral de vegetação (NDVI) apresentou aplicabilidade em analisar temporalmente os atributos do solo correlacionados ao corte e a reflectância da cultura de cana-de-açúcar, mostrandose uma ferramenta para delimitação de áreas de manejo e demonstram as zonas de diferentes potenciais produtivos.

Resumo (inglês)

Remote sensing technologies are used to define vegetation indices obtained from crop reflectance and to improve management techniques and practices in the implementation of the precision farming system. The objective of this work was to analyze, in three cuts (2016, 2017 and 2018), the correlation between vegetation spectral index (NDVI) and soil fertility in na área planted with sugarcane. The data were sampled in a sample mesh of 57 points. The soil was analyzed considering the fertility chemical characteristics and the normalized difference vegetation indices - NDVI were obtained by remote sensing techniques in Landsat 8 satellite images, dated one month prior to the cut. Statistical analyzes were performed to verify the temporal differences between sugarcane crop reflectances between 2016 (3rd crop), 2017 (4th crop) and 2018 (5th crop). The spectral vegetation index (NDVI) and soil fertility in the sugarcane crop showed different behavior over time. The most fertile soil zones reflected the spectral transformation of the bands designed to increase the contribution of vegetation properties and allowed spatial and temporal intercomparisons with the development of the photosynthetic activity of the sugarcane and the structural variations of the canopy prior to the cuts. The vegetation spectral index sensing technique (NDVI) was applicable in the temporal analysis of soil attributes correlated to the cut and reflectance of the sugarcane crop, showing a tool to delimit management areas and to demonstrate the zones of different productive potentials.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Itens relacionados