Relação entre disfunção temporomandibular e hipermobilidade articular generalizada em indivíduos jovens

Imagem de Miniatura

Data

2010-05-28

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Disfunção temporomandibular (DTM) é definida como uma coleção de condições médicas, dentárias ou faciais associadas com anormalidades do sistema estomatognático, que desencadeiam desordens na articulação temporomandibular e tecidos adjacentes, incluindo os músculos faciais e cervicais. Hipermobilidade Articular Generalizada (HAG) é definida como uma alteração da normalidade em que articulações do corpo exercem uma mobilidade maior do que aquela anatomicamente considerada normal. O presente estudo apresenta importância relacionada à necessidade de maiores investigações sobre prevalência de DTM em jovens, uma vez que a maioria dos estudos voltados para DTM investiga indivíduos adultos, e também para averiguar a possível correlação entre entidades distintas, mas que parecem estar relacionadas: DTM x HAG. O objetivo do estudo é investigar a prevalência de DTM em indivíduos jovens e relacionar esta com hipermobilidade articular generalizada nesta mesma população. Todos os estudantes do curso de odontologia matriculados em uma universidade foram convidados a participar, como voluntários, do estudo proposto. Uma amostra de 100 indivíduos (72 mulheres e 28 homens) foi obtida. Todos os alunos foram submetidos a um exame denominado RDC / TMD que diagnostica presença de DTM. Dois grupos foram formados: Um primeiro grupo com indivíduos que apresentam DTM e outro grupo com indivíduos que não apresentam DTM. Depois disso os indivíduos do primeiro grupo foram subdivididos de acordo com o tipo de DTM apresentada. Em outra etapa, todos os 100 indivíduos foram submetidos ao exame de “índice de Beighton” com finalidade de diagnosticar presença de HAG. Depois destas investigações, foi realizada uma análise estatística entre os grupos com intuito inicial de verificar a prevalência de DTM nesta...
Temporomandibular disorder (TMD) is defined as a collection of medical conditions associated with dental or facial abnormalities of the stomatognathic system, triggering unrest in the temporomandibular joint and adjacent tissues, including facial and neck muscles. Generalized Joint Hypermobility (GJH) is defined as a change of normality in which the body's joints have a higher mobility than that considered anatomically normal. This study has importance related to the need for further investigation on the prevalence of TMD in young adults, since most studies focused on investigating TMD in adults, and also to investigate the possible correlation between distinct entities, but that appear to be related: Temporomandibular disorder and Generelized Joint Hypermobility. The aim of this study is to investigate the prevalence of TMD in young adults and to correlate this with generalized joint hypermobility in the same population. All students of a dental school enrolled in a university were invited to participate as volunteers to the proposed study. A sample of 100 individuals (72 women and 28 men) asymptomatic was obtained. All students underwent a test called RDC / TMD diagnosing TMD. Two groups were formed: One group of individuals who present TMD and another group with individuals who do not present TMD. After that, the individuals in the first group were subdivided according to the kind of TMD presented. In another step, all 100 subjects underwent an examination of Beighton index with the purpose of diagnosing the presence of GJH. After these investigations, we performed a statistical analysis between groups in order to verify the initial TMD prevalence in this population and subsequently correlated it with Generalized Joint Hypermobility (GJH). We obtained that: 100 patients examined, 24 individuals (24% - 23 women and 1 man) were... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Palavras-chave

Articulação temporomandibular - Doenças, Dentes - Doenças - Diagnóstico, Transtornos da articulação temporomandibular, Diagnóstico bucal, Estudantes de Odontologia, Instabilidade articular, Temporomandibular joint, Temporomandibular joint disorders, Diagnosis, Oral, Students, Dental, Joint instability

Como citar

ZAZE, Cesar Aurélio. Relação entre disfunção temporomandibular e hipermobilidade articular generalizada em indivíduos jovens. 2010. 147 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Odontologia de Araçatuba, 2010.