Mapeamento da cultura imaterial nas paisagens do quilombo do Mandira - Cananeia-SP

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2015-09-25

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

The landscape holds materiality and immateriality, the latter being the subject of our study. Interest occurred precisely because of the study area is rich in legends members of the Brazilian intangible cultural heritage. The objective is therefore to identify members legends of the cultural spectrum, of the community of Quilombo Mandira, in the city of Cananéia/ SP, and spatializes them, through cultural mapping. Complemented with pictures of landscapes and drawings developed by the community, the existing symbolic elements in its imagery, is to understand how these symbolisms are present in the landscape. To this end, the work is guided by the theoretical framework of Cultural Geography and the New Cultural Geography. In this perspective, there were two field studies with application of interviews, which yielded four legends and their spatiality of the symbolic landscapes, summarized in cultural mapping. This work is expected to contribute to the world of Cultural Geography, bringing methodological proposals for cultural mapping, targeting the spatial understanding broadly. Also noteworthy is the importance of the return of the works developed in academia to society, through the delivery of the final statement, as a contribution and aid for local tourism projects, since it is observed a growing of this activity in the quilombo
A Paisagem é detentora de materialidade e de imaterialidade, sendo este último o alvo de nosso estudo. O interesse se deu justamente pela área de estudo ser rica em lendas integrantes do patrimônio cultural imaterial brasileiro. Objetiva-se, portanto, identificar lendas integrantes do universo cultural, da comunidade do Quilombo do Mandira, no município de Cananéia/SP, e espacializá-las, através do mapeamento cultural. Complementadas com fotos das paisagens e desenhos elaborados pela própria comunidade dos elementos simbólicos existentes em seu imaginário, visa entender de que maneira esses simbolismos se fazem presentes na paisagem. Para tanto, o trabalho está pautado nos referenciais teóricos da Geografia Cultural e da Nova Geografia Cultural. Nesta perspectiva, foram realizados dois trabalhos de campo com aplicação de entrevistas, através dos quais obtiveram-se quatro lendas e suas espacialidades sobre as paisagens simbólicas, sintetizadas no mapeamento cultural. Com este trabalho, espera-se contribuir para o universo da Geografia Cultural, trazendo propostas metodológicas para mapeamentos culturais, almejando o entendimento espacial de forma ampla. Destaca-se, também, a importância do retorno dos trabalhos desenvolvidos na academia para a sociedade, através da entrega do mapa final, como forma de contribuição e auxílio para projetos turísticos locais, já que se observa um contínuo crescente desta atividade no quilombo

Descrição

Palavras-chave

Cartografia, Quilombos, Cananeia (SP) - Usos e costumes

Como citar

CARVALHO, Gardênia Baffi de. Mapeamento da cultura imaterial nas paisagens do quilombo do Mandira - Cananeia-SP. 2015. 68 f. Trabalho de conclusão de curso (bacharelado - Geografia) - Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Câmpus Experimental de Ourinhos, 2015.