Análise de fluxo no interior de barragens de terra a partir do método do potencial espontâneo (SP)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2017-12-06

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

The application of geoeletric methods, such as induced polarization (IP), the electroresistance and the spontaneous potential (SP), presents an important indirect study methodology in several areas of geology, such as mining, geotechnics and environmental geology. The present work deals with the results of the application of the spontaneous potential method (SP) in small earth dams in the cities of Cordeirópolis and Ipeúna, both in the State of São Paulo. The studies of Engineering of Dams intensified in the end of century XX, due to alarming numbers of dam disruptions. In Brazil, small dams are still the majority, around 90% of the total. This work presents results of surveys of the spontaneous potential in two small dams, analyzing the influence of classical dams structures, such as spillways, on the method. Three lines of 78 meters each were made, with a spacing of 2 meters between the electrodes in the Cordeirópolis dam and three lines of 122 meters each, spaced 2 meters between the electrodes in the Ipeúna dam. In both collections the Potential Technique (or fixed base) was used. The collected data were worked on 2D maps of spontaneous potential and 3D profiles, which allowed to identify the zones with greater and smaller values of potential difference, preferential flow of the subsurface fluids in the areas and possible problems in the structure of the dam, that could affect the physical integrity of the structure
A aplicação de métodos geoelétricos, como a polarização induzida (IP), a eletrorresistividade e o potencial espontâneo, apresenta uma importante metodologia indireta de estudo em diversas áreas da geologia, como a mineração, geotecnia e a geologia ambiental. O presente trabalho discorre sobre os resultados da aplicação do método do potencial espontâneo (SP) em barragens de terra de pequeno porte nas cidades de Cordeirópolis e Ipeúna, ambas no Estado de São Paulo. Os estudos de Engenharia de Barragens se intensificaram no final do século XX, graças ao alarmante número de casos de rompimento de barramentos. No Brasil, as barragens de pequeno porte ainda são maioria, cerca de 90% do total. Este trabalho apresenta resultados de levantamentos do potencial espontâneo em duas barragens de terra de pequeno porte, analisando a influência de estruturas clássicas de barragens, como vertedouros, sobre o método. Foram realizadas 3 linhas de 78 metros cada, com espaçamento de 2 metros entre os eletrodos na barragem de Cordeirópolis e 3 linhas de 122 metros cada, com espaçamento de 2 metros entre os eletrodos na barragem de Ipeúna. Em ambas as coletas foi utilizada a Técnica dos Potenciais (ou base fixa). Os dados coletados foram trabalhados em mapas 2D de potencial espontâneo e em perfis 3D, que permitiram identificar as zonas com maiores e menores valores de diferença de potencial, o fluxo preferencial dos fluídos subsuperficiais nas áreas e possíveis problemas na estrutura da barragem, que poderiam afetar a integridade física da estrutura

Descrição

Palavras-chave

Geologia de engenharia, Barragens de terra, Polarização induzida, São Paulo (Estado), Cordeirópolis (SP), Ipeúna (SP)

Como citar

GUIRELI NETTO, Leonides. Análise de fluxo no interior de barragens de terra a partir do método do potencial espontâneo (SP). 2017. 88 f. Trabalho de conclusão de curso (Geologia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, 2017.