Uso de aditivos em rações para suínos nas fases de creche, crescimento e terminação

dc.contributor.authorJunqueira, Otto Mack [UNESP]
dc.contributor.authorBarbosa, Luis Carlos Garibaldi Simon [UNESP]
dc.contributor.authorPereira, Adriana Aparecida [UNESP]
dc.contributor.authorAraújo, Lúcio Francelino
dc.contributor.authorGarcia Neto, Manoel [UNESP]
dc.contributor.authorPinto, Marcos Franke [UNESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.contributor.institutionUniversidade de São Paulo (USP)
dc.date.accessioned2014-05-20T13:18:14Z
dc.date.available2014-05-20T13:18:14Z
dc.date.issued2009-12-01
dc.description.abstractEste trabalho foi conduzido com o objetivo de verificar o efeito da adição de antibiótico, probiótico, prebiótico e gluconato de sódio para suínos no período de 28 a 142 dias de idade, correspondente às fases de creche, crescimento e terminação. Foram utilizados 168 leitões desmamados aos 21 dias de idade, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado em 42 baias com quatro suínos machos castrados em cada unidade experimental, com seis repetições e sete dietas: ração basal (controle negativo); ração basal + antibiótico; ração basal + probiótico; ração basal + prebiótico; ração basal + probiótico + prebiótico (simbiótico); ração basal + gluconato de sódio; ração basal + gluconato de sódio + probiótico. O desempenho dos animais diferiu entre as dietas e foi melhor nos animais que receberam ração com aditivos no período de 28 a 142 dias de idade. Entre os aditivos, o simbiótico foi mais eficiente, pois promoveu os melhores resultados de ganho de peso e conversão alimentar. do mesmo modo, a adição de gluconato de sódio + probiótico, prebiótico e probiótico nas rações foi mais eficiente que a adição de antibiótico. A utilização dos aditivos avaliados em substituição ao antibiótico não compromete as características de carcaça e a morfometria intestinal. A associação do probiótico e prebiótico (simbiótico) estudados melhora o desempenho dos suínos nas fases de creche, crescimento e terminação.pt
dc.description.abstractThe objective of this study was to evaluate the effect of adding antibiotics, probiotics, prebiotics, symbiotic and sodium gluconate for swine from 28 to 142 days of age, corresponding to the nursery, growing and finishing phases. One hundred and sixty-eight piglets were used weaned at 21 days in a randomized complete design in 42 pens with four male piglets in each experimental unit with six replications and seven treatments: control basal feed; basal feed + antibiotic; basal feed + probiotic; basal feed + prebiotic; basal feed + probiotic + prebiotic (symbiotic); basal feed + sodium gluconate; basal feed + sodium gluconate + probiotic. The animals performance differed among he treatmentsand was best in the animals that received feed with additive from 28 to 142 days of age. Among the feeds with additive, symbiotic was more efficient, presenting the best results in weight gain and feed conversion. Similarly, the addition of sodium + probiotic, prebiotic and probiotic in the feeds was more efficient than antibiotic addition. The use of the evaluated additives substituting the antibiotics did not harm the or the intestinal morphometry. The combination of probiotic and prebiotic (symbiotic) improves the swine performance in the nursery, growing and finishing phases.en
dc.description.affiliationUNESP Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias
dc.description.affiliationUNESP Faculdade de Odontologia e Curso de Medicina Veterinária
dc.description.affiliationUSP Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos
dc.description.affiliationUnespUNESP Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias
dc.description.affiliationUnespUNESP Faculdade de Odontologia e Curso de Medicina Veterinária
dc.format.extent2394-2400
dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982009001200015
dc.identifier.citationRevista Brasileira de Zootecnia. Sociedade Brasileira de Zootecnia, v. 38, n. 12, p. 2394-2400, 2009.
dc.identifier.doi10.1590/S1516-35982009001200015
dc.identifier.fileS1516-35982009001200015.pdf
dc.identifier.issn1516-3598
dc.identifier.lattes4022227218734910
dc.identifier.lattes7357560220449194
dc.identifier.lattes8942267939443572
dc.identifier.scieloS1516-35982009001200015
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/4407
dc.identifier.wosWOS:000274414200015
dc.language.isopor
dc.publisherSociedade Brasileira de Zootecnia
dc.relation.ispartofRevista Brasileira de Zootecnia
dc.relation.ispartofsjr0,337
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.sourceSciELO
dc.subjectAntibioticen
dc.subjectprebioticen
dc.subjectprobioticen
dc.subjectsodium gluconateen
dc.subjectsymbioticen
dc.subjectantibióticopt
dc.subjectgluconato de sódiopt
dc.subjectPrebióticopt
dc.subjectProbióticopt
dc.subjectSimbióticopt
dc.titleUso de aditivos em rações para suínos nas fases de creche, crescimento e terminaçãopt
dc.title.alternativeUse of additives in feed for swine in nursery, growing and finishing phasesen
dc.typeArtigo
dcterms.licensehttp://www.scielo.br/revistas/rbz/paboutj.htm
unesp.author.lattes4022227218734910
unesp.author.lattes7357560220449194
unesp.author.lattes8942267939443572[1]
unesp.author.orcid0000-0003-1648-5949[4]
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Medicina Veterinária, Araçatubapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Jaboticabalpt

Arquivos

Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
S1516-35982009001200015.pdf
Tamanho:
103.91 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 2 de 2
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
1.71 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição:
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
1.71 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: