A constituição de saberes experienciais da docência no contexto de políticas públicas educacionais

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2022-09-01

Autores

Silvério, Merielle Angélica Martines

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A caracterização e a demarcação de dimensões formativas vinculadas com políticas públicas educacionais apresentam-se como objetos de investigação recorrentes no cenário nacional. Inserido neste contexto, o presente estudo concentrou ênfase: na Base Nacional Comum Curricular (BNCC), no Currículo Paulista, especificamente na organização curricular do componente Biologia da área de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, e nas matrizes de competências da Base Nacional Comum para a Formação Inicial e Continuada de Professores. No âmbito do modelo interpretativo de Clermont Gauthier, considerando a importância da elaboração de jurisprudência pedagógica partindo do estudo dos saberes experienciais dos professores, o objetivo desse trabalho foi descrever e discutir processos formativos de desenvolvimento de saberes experienciais mediante a análise destes documentos, com ênfase nas aprendizagens preconizadas para o componente Biologia, bem como expor condições para a validação pública de saberes experienciais em saberes da ação pedagógica. Trata-se de uma pesquisa qualitativa desenvolvida pela autora em quatro fases: Exploratória e Preparatória; Estruturação de Dados; Análise e Relatório de Pesquisa. Fundamentada na análise documental dos citados referenciais, admite-se que as orientações para a implementação de tais documentos oficiais apresentam-se como condições formativas insuficientes para garantir o desenvolvimento de saberes experienciais docentes relacionados com o planejamento de situações de ensino consistentes com as aprendizagens preconizadas. Foi possível identificar que as habilidades preconizadas para o tema Genética estão descritas de maneira genérica, (a) prescindindo de vinculação minimamente informativa com o respectivo objeto de conhecimento da unidade temática, (b) destituída de especificidade em relação ao componente Biologia e (c) com discrepância em relação à estrutura. Além disso, não é apresentada uma progressão das habilidades referentes a cada objeto de conhecimento ao longo do Ensino Médio. Na BNC-Formação são expostas competências gerais e específicas para a docência, e as habilidades a elas correspondentes, porém não é orientado como estas poderiam ser desenvolvidas pelo professor. Em decorrência e fundamentada em tais constatações, essa pesquisa expõe um modelo de análise que explicita interpretações das habilidades preconizadas, nos documentos selecionados, constituintes do desenvolvimento de saberes experienciais da autora. Admite-se que tal modelo de análise cumpre um passo necessário para que os saberes experienciais possam ser validados publicamente como saberes da ação pedagógica, componente necessário para a convivência com dimensões dos referenciais curriculares oficiais, tanto quanto para efetivar investigações colaborativas que fortaleçam vínculos de parceria entre docentes da Educação Básica e da Universidade.
The characterization and demarcation of formative dimensions linked to public educational policies are presented as recurrent objects of investigation in the national scenario. Inserted in this context, the present study focused emphasis: on the National Common Curricular Basis (BNCC), on the Paulista Curriculum, specifically on the curricular organization of the Biology component in the area of Natural Sciences and its Technologies, and on the matrices of competences of the Common National Basis for Initial and Continuing Formation of Teachers (BNC-Formation). Within the scope of Clermont Gauthier's interpretative model, considering the importance of elaborating pedagogical jurisprudence starting from the study of teachers' experiential knowledge, the objective of this work was to describe and discuss formative processes of development of experiential knowledge through the analysis of these documents, with emphasis on the learning recommended for the Biology component, as well as exposing conditions for public validation of experiential knowledge in knowledge of pedagogical action. It is a qualitative research developed by the author in four phases: Exploratory and Preparatory; Data Structuring; Analysis and Research Report. Based on the documentary analysis of the mentioned references, it is admitted that the guidelines for the implementation of such official documents are presented as insufficient conditions to guarantee the development of teaching experiential knowledge related to the planning of teaching situations consistent with the recommended learning. It was possible to identify that the skills recommended for the Genetics theme are described in a generic way, (a) dispensing with a minimally informative connection with the respective object of knowledge of the thematic unit, (b) devoid of specificity in relation to the Biology component and (c) with discrepancy in relation to the structure. In addition, a progression of skills related to each object of knowledge throughout high school is not presented. In the BNC- Formation, general and specific competences for teaching are exposed, and the skills corresponding to them, but it is not oriented on how these could be developed by the teacher. As a result and based on such findings, this research exposes an analysis model that explains interpretations of the recommended skills, in the selected documents, constituents of the development of the author's experiential knowledge. It is accepted that such an analysis model fulfills a necessary step so that experiential knowledge can be publicly validated as knowledge of pedagogical action, a necessary component for living with dimensions of official curricular references, as well as for carrying out collaborative investigations that strengthen partnership bonds between teachers of Basic Education and the University.

Descrição

Palavras-chave

Saberes docentes, Formação profissional, BNCC, Ensino de Ciências, Formação de professores, Formação docente, Currículo paulista, Bnc-formação, Ensino de biologia, Teaching knowledge, Vocational training, BNC-F

Como citar