Análise do desgaste de diferentes protocolos para hipersensibilidade dentinária após desafio erosivo-abrasivo

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2023-07-19

Autores

Albertinazzi, Larissa [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

A hipersensibilidade dentinária é uma das queixas mais comuns de pacientes em clínicas odontológica, contudo, a literatura não apresenta um protocolo de tratamento duradouro para estes casos. Sendo assim, o objetivo deste estudo foi avaliar o desgaste superficial após aplicação de diferentes protocolos para hipersensibilidade dentinária submetida ao desafio erosivo-abrasivo, utilizando os seguintes protocolos: verniz placebo (controle negativo – PLA); verniz fluoretado (controle positivo, Duraphat – FLU); verniz experimental (NaF 5% + 5% TMP - TMP); sistema adesivo autocondicionante (Single Bond Universal – SBU); verniz fluoretado fotopolimerizável bioativo (PRG - SPRG); solução com cerâmica bioativa cristalina (Biosilicato® - BIOS) e solução com amelotina (AMTN). Setenta blocos de dentina bovina radicular foram obtidos nas dimensões de 4x4x2 mm, polidos e previamente calibrados quanto ao polimento em perfilômetro óptico. Após isso, o espécime foi dividido em dentina controle que foi protegida por um verniz ácido resistente, e uma dentina teste, que recebeu a aplicação prévia de EDTA 0.5 M, simulando uma dentina hipersensível. Após isso, os espécimes receberam os tratamentos supracitados (n=10), ficaram imersos em saliva por 6h e foram submetidos a uma ciclagem erosiva abrasiva de 4 ciclos diários, durante 5 dias. Ao fim deste período, o verniz ácido resistente foi removido da área controle e o desgaste foi avaliado por meio de um perfilômetro óptico. Os dados obtidos foram submetidos aos testes de Shapiro-Wilk, devido à ausência de distribuição normal, as comparações foram realizadas utilizando os testes de Kruskal-Wallis e Dunn. Todas as análises foram realizadas com nível de significância de 5%. Os resultados demonstraram que o sistema adesivo auto condicionante foi o único que apresentou curvatura positiva, sendo estatisticamente diferente dos outros materiais, e a menor curvatura negativa foi obtida para a solução de amelotina, sendo esta estatisticamente semelhante ao verniz experimental TMP. Portanto, conclui-se que o sistema adesivo universal protegeu o desgaste da dentina hipersensível após o desafio erosivo-abrasivo.
Dentin hypersensitivity is one of the most common complaints from patients in dental clinics, however, the literature does not present a long-lasting treatment protocol for these cases. Thus, the objective of this study was to evaluate dentin wear and biological performance of desensitizing materials, using the following protocols: placebo varnish (negative control - PLA); fluoride varnish (positive control, Duraphat – FLU); varnish with nanoparticulate sodium trimetaphosphate (TMP); universal self-etching adhesive (Single Bond Universal - SBU); bioactive photoactivated varnish (PRG filler - SPRG); bioactive ceramic solution (BIOS) and amelotin solution (AMTN). Seventy blocks of root bovine dentin were obtained in the dimensions of 4x4x2 mm, polished and previously calibrated for surface roughness using an optical profilometer. Then, the specimen was divided into control dentin, which was protected by an acid-resistant varnish, and test dentin, which received prior application of 0.5 M EDTA, simulating hypersensitive dentin. After that, the specimens were subjected to the aforementioned treatments (n=10), immersed in saliva for 6 hours, and submitted to an erosive-abrasive cycling of 4 daily cycles for 5 days. At the end of this period, the acid-resistant varnish was removed from the control area and the wear was evaluated using an optical profilometer. The obtained data were subjected to Shapiro-Wilk tests, but since they did not follow a normal distribution, the comparisons were performed using Kruskal-Wallis and Dunn tests. All analyzes were performed with a 5% significance level. The results demonstrated that the self-etch adhesive system was the only one that showed a positive curvature, being statistically different from the other materials, and the lowest negative curvature was obtained for the amelotin solution, which was statistically similar to the experimental TMP varnish. Therefore, it can be concluded that the universal adhesive system protected against wear of hypersensitive dentin after the erosive-abrasive challenge.

Descrição

Palavras-chave

Sensibilidade da dentina, Fluoretos tópicos, Desgaste dos dentes, Dentin sensitivity

Como citar