O princípio de equivalência fraco e o acoplamento gravitacional não-mínimo

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

1993

Autores

Bertarello, Nelson [UNESP]

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Mostra-se que as teorias não-minimamente acopladas à gravitação - contrariamente à crença em voga - não violam o princípio de equivalência fraco, sendo consequentemente contra-exemplos à conjectura de Schiíf. A demonstração é completamente independente do modelo adotado para a descrição do acoplamento gravitacional não-mínimo. Utilizando-se uma combinação linear de lagrangeanas quadráticas no campo eletromagnético e lineares na curvatura obtém-se uma nova lei para a propagação da radiação eletromagnética em um background gravitacional, que leva a uma saída para o problema do horizonte - o calcanhar de Aquiles do modelo cosmológico padrão
It is shown that gravitational nonminimally coupled theories - contrary to what is widely believed - do not violate the weak equivalence principie, thus being counterexamples to Schiíf’s conjecture. The proof is model independent. Using a linear combination of Lagrangians quadratic in the electromagnetic field and linear in the curvature, a new law for the propagation of the electromagnetic radiation in a background gravitational field is obtained, which leads to a way out to the horizon problem - one of the fundamental problems in standard cosmology

Descrição

Palavras-chave

Acoplamentos, Gravitação, Princíio de equivalência (Física)

Como citar

BERTARELLO, Nelson. O princípio de equivalência fraco e o acoplamento gravitacional não-mínimo. 1993. 56 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Física Teórica, 1993.